Nos jogamos no mais profundo quarto aquela noite

Semeamos nossas paixões no mais fértil jardim

Amanhecemos o amor

Acordamos entrelaçados como raízes da Índia

Despertamos o sol mal-humorado

Gargalhamos um do outro

Rimos de graça por causa do vinho

Nossa única luz era o fogo que emanava do interior

Aquecidos estávamos do gélido receio de se entregar

Derrubamos algumas estrelas do límpido céu noturno

Adoçamos um pouco mais o mel…

 

Mateus H.

Anúncios