Pintura com traços da realidade

Na pele marca as cores da sedução

Tons claros e escuros surgem

Ao desabotoar da camisa

Me perco em seus seios

Sugerem a ordem explicita ao prazer

Ignoro minha humanidade

Deixo exposto as fantasias

O calor dos laços dominam

Bocas marcadas pelo furor

Pelo compasso dos movimentos

Não combinados pelos anseios do sexo

Numa forma única os dois tornam

Bocas entrelaçadas pelas línguas

Corpos fundidos pelo suor

Marcas de baton se espalham no corpo

Marcam o desejo retratado

Nessa pintura com letras

Entre eu e você

 

Mateus H.

Anúncios